SE LIGA!

Ser jovem é…

Publicado em: 28/03/2022 às 12h43
Jovem1

Por Ana Luiza Ormeni Almeida dos Santos, Beatriz Galdino Torres e Vitor Henrique Fantone Silva

 

Vamos conhecer um artigo do Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA nesta seção?

 

  Art. 58: No processo educacional respeitar-se-ão os valores culturais,  artísticos e históricos próprios do contexto social da criança e do adolescente, garantindo-se a estes a liberdade da criação e o acesso às fontes de cultura.

 

Ser jovem é se entender único. É querer ser parte de um grupo, um eterno aprendizado de coisas que pensávamos já ter aprendido. Ser jovem é um eterno processo, não apenas ligado à idade, mas ao se sentir jovem. Ser jovem não é só um estágio, é um estado que dura quanto tempo se permitir.

É entender a história não como um espectador, mas como parte importante dela. É em pequenas e grandes causas entender o porquê de lutar: A motivação para transformar o próprio mundo já é uma grande batalha. E é, algumas vezes, estar imerso no virtual buscando aquilo que é real.

Ser jovem é saber que nem todo conhecimento se aprende na escola. É se divertir muito só com uma bola, é ser criança crescida. Ser jovem é se apaixonar a cada esquina e desapaixonar em cada nova avenida. É transformar os outros e se deixar transformar, buscando se encontrar.

Jovem2

EMEF Professor Neir Augusto Lopes

 

Ser jovem é ser uma metamorfose ambulante, é estar sempre evoluindo, seja a passos velozes ou em pequenas mudanças, o importante é encontrar o próprio ritmo.

É também, por muitas vezes, estar triste, mas nunca desistir. Ser jovem é ter um “para sempre” que só dura alguns meses, mas a certeza de que as memórias serão um “para sempre” ainda mais longas.

Ser jovem é uma dádiva do tempo, este que voa tão rápido quanto o bater de asas de um beija-flor. Portanto, manter-se jovem é manter-se imerso na vontade de se redescobrir e não permitir-se estagnar. É florescer e encantar a florada ao seu redor.

Ser jovem é ter direitos e defender eles, saber pelo que lutar. É saber que é um sujeito de sorte e entender que “ano passado eu morri, mas esse ano eu não morro”.

O jovem é arte, artista dinâmico, o jovem é um pensador, ser influente, comediante e principalmente político. O jovem, mesmo quando se apega ao passado, faz o futuro. O jovem cria e molda heróis e histórias. É respeitar e ser respeitado em suas diferenças e similaridades com os demais

Afinal, ser jovem é uma eterna caminhada no conhecimento.

E não se prender ao imutável.Ah! isso é curtir a própria juventude!

Ana Luiza Ormeni Almeida dos Santos, Beatriz Galdino Torres e Vitor Henrique Fantone Silva são estagiários no NAAPA da DRE Freguesia/Brasilândia.

Imagem39
08/11/2021 às 12h28

Transformando talento em ação

Por Ednalva Cardia O Matheus, tem um canal no YouTube onde expõe suas animações. Legal, né? Então, bora lá conhecer […]

Garoto
21/12/2021 às 18h26

Um pouco de poesia

Por Ana Carolina e Cleia. Poema Oportunidade Você gosta de poema? O Caio, estudante do Ensino Médio, tornou-se um amante […]

H4
14/03/2022 às 11h55

Todos os meus sonhos

Por Juliane dos Santos Ribeiro A Sala de Leitura é o espaço que mais aprecio no ambiente escolar, ficando até […]